O que é Fato Social de Emile Durkheim? Exemplos da Teoria. ENEM

O que é Fato Social? Características

Neste resumo sobre fato social, elucidaremos conceitos sobre essa teoria de Émile Durkheim, como:

  • o que é fato social
  • características do fato social
  • exemplos de fato social

O que é fato social para Emile Durkheim?

Fato social é um objeto de estudo da sociologia referenciado na consciência coletiva da sociedade. Ele diz respeito à maneira de agir, pensar e sentir. Essas são incutidas ao comportamento individual por forças exteriores ao indivíduo, por meio do poder coercitivo que as copõem.

De acordo com a definição de fato social, este pode ser “espontâneo” ou imposto por meio de lei. Todavia, em ambos os casos ele será coercitivo, pois, mesmo quando adotado de maneira “espontânea”, como a escolha de uma religião, é porque houve uma coerção coletiva, por meio da qual a sociedade, que adota determinados comportamentos, acabou por impôr a decisão do indivíduo.

Portanto, de forma objetiva, os fatos sociais são elementos que compõem a nossa realidade e são identificados por meio de três características em comum: a coercitividade, a exterioridade e a coletividade. Dessa maneira, o fato social pode ser entendido como o contrário direto de anomia social, conceito, também, exposto na teoria de Durkheim.

O que é Fato Social? Características

Quem foi Émile Durkheim?

Émile Durkheim foi o fundador da escola de sociologia francesa. Ele combinou pesquisas empíricas com teorias sociológicas. Ademais, ele é tido como um positivista convicto, ou seja, alguém que interpreta a sociedade à luz de versões oficiais, como documentações do governo.

Segundo Émile Durkheim, o sociólogo que conceituou o que é fato social, o estudo deste deve ser feito de maneira distante, como um biólogo que observa a natureza. Proposta, essa, que estava de acordo com as ideais de um dos seus contemporâneos mais famosos, o Augusto Conti.

Características do fato social

  • Coercitividade: é a força que o fato social exerce sobre a sociedade, como os padrões culturais
  • Exterioridade: independem de adesão, pois fatos sociais ocorrem indiferente à vontade individual
  • Generalidade: pois atinge um grupo de pessoas numa determinada comunidade, e não apenas indivíduos

Exemplos de fatos sociais

Os exemplos de fatos sociais, como já dito, deve possuir três características: coercitividade, exterioridade e generalidade. Deste modo, podemos citar as instituições abaixo como exemplo de fato social, pois elas incutem as características do fato social:

  • Regras jurídicas
  • Conceitos morais
  • Educação, seja ela formal ou não
  • Dogmas religiosos
  • Idioma

É bom ressaltar que fatos sociais, na teoria de Durkheim, são diferentes de manifestações, que originam de escolhas individuais. Além disso, em diversas passagens, Émile Durkheim defende que o homem, sem a vida em sociedade, não poderia ser considerado, plenamente, ser humano, pois essa compõe o conjunto de características que nos tornam parte desta espécie, do ponto de vista sociológico.

Fato social: resumo

Veja, agora, uma aula sobre a teoria de Durkheim, que se pretende um resumo sobre o fato social, do ponto de vista sociológico.